A pandemia da covid-19 em Curitiba voltou a ganhar força nas últimas semanas, e desta vez chega com mudança no perfil dos casos graves. Dados do monitoramento do Centro de Epidemiologia da Secretaria Municipal de Saúde mostram aumento nos internamentos de doentes mais jovens e queda no número de pacientes com idades mais avançadas em relação ao total de internados.

O período comparado é o do início da fevereiro, começo da vacinação dos idosos, à semana de 25 de abril a 1 de maio, a mais recente divulgada.

Os doentes com 80 anos ou mais representavam, na última semana de abril, apenas 2,6% do total de internamentos em leitos de UTI e de enfermaria exclusivos para covid-19 na rede hospitalar da cidade (pública e privada).

Entre os idosos acima de 80 anos, a proporção de internamentos caiu 81% do início de fevereiro para o fim de abril.

Entre os idosos de 70 a 79 anos, a queda nos internamentos foi 49% no comparativo do período. Em relação ao total de pessoas internadas por covid-19, essa faixa etária baixou de 17% para 8,7%.

Mais adultos jovens doentes


A proporção de pacientes mais jovens sendo internados para tratamento de casos graves e moderados de covid-19 em Curitiba aumentou.

Na última semana de abril, pessoas entre 50 e 59 anos responderam por 31% do total de internamentos, maior índice para esta faixa etária desde o início da pandemia, em março de 2020.

Comparativamente, na primeira semana de fevereiro, a proporção de internamento entre pessoas de 50 e 59 anos foi de 24,6%, mas já esteve em 19% no início deste ano.

Em números absolutos, o aumento de internados por covid nesta faixa de idade (50-59 anos) é ainda maior, de 94 pessoas na primeira semana de fevereiro para 154 na última de abril.

“Temos uma somatória de situações influenciando nessa mudança, vacinas já surtindo efeito em grupos já imunizados há algum tempo, mas por outro lado percebemos algumas faixas etárias se descuidando das medidas protetivas”, diz Alcides Oliveira, diretor do Centro de Epidemiologia da Secretária Municipal de Saúde de Curitiba.

Outra faixa etária com aumentos nos internamentos é a de adultos de 40 a 49 anos, com um salto de 13% do início de fevereiro para a semana de 25 de abril a 1º de maio.

A SMS disponibiliza neste link a proporção de internamentos por covid-19 em Curitiba, por faixa etária 

Foto: Lucilia Guimarães/SMCS

Fonte: Secretaria Municipal da Comunicação Social – Prefeitura de Curitiba