A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) realiza, nesta quinta-feira (02/12), das 14h às 16h, uma live sobre o Programa de Monitoramento da Qualidade Hospitalar. Voltado para todo o setor de planos de saúde e, em especial, aos prestadores de serviços hospitalares, o evento abordará os objetivos do programa, os dados que deverão ser enviados à ANS pelos hospitais participantes e o Sistema de Indicadores Hospitalares (SIHOSP).

Na ocasião, Carisi Polanczyk, responsável técnica pelo Projeto Consórcio Nacional de Indicadores de Qualidade Hospitalar e chefe do Serviço de Cardiologia do Hospital Moinhos de Vento, fará uma palestra sobre avaliação da qualidade e desfechos hospitalares. 

A live será transmitida por meio do Microsoft Teams. Para participar, os interessados devem realizar a inscrição até às 15h da véspera do evento (01/12), clicando aqui.

No final da liive, serão esclarecidas as dúvidas dos participantes. As perguntas deverão ser enviadas para o e-mail eventos@ans.gov.br

Sobre o Programa 

O Programa de Monitoramento da Qualidade Hospitalar (PM-Qualiss) tem o objetivo de incentivar a melhoria da qualidade dos serviços através da avaliação de desempenho e qualidade assistencial dos prestadores de serviços hospitalares por meio de indicadores. O Programa avaliará de forma sistemática os indicadores individualizados por prestador e coletivamente para obtenção de medidas de tendência e de outros parâmetros estatísticos.

A ANS já começou o pré-cadastramento por meio de formulário, que pode ser acessado aqui.

A participação no Programa proporcionará aos hospitais diversas vantagens, como a clareza e o suporte necessário para melhores decisões, a partir da análise objetiva de resultados de desempenho institucional, que poderão ser conferidos pelos relatórios do SIHOSP. Além disso, os hospitais poderão identificar suas atuais lacunas pelo sistema, permitindo a redução de desperdícios e custos, e gerando ganho de eficiência na gestão assistencial do hospital. Outro benefício será a possibilidade de fazer o comparativo dos resultados do próprio hospital com os da média do setor e com outros resultados dos hospitais de excelência do Brasil. 

 A partir de janeiro de 2022, a ANS iniciará a coleta mensal de indicadores de qualidade hospitalar por meio do sistema SIHOSP. Os hospitais participantes do Programa deverão informar os dados do painel geral de indicadores mensalmente e a Agência fará as análises dos resultados preliminares semestralmente. A divulgação será anual, conforme a metodologia de comparabilidade criada pelo Consórcio Nacional de Indicadores Hospitalares. A primeira divulgação está prevista para acontecer em junho de 2022. 

O Programa de Monitoramento da Qualidade Hospitalar também contribui para o aprimoramento das práticas assistenciais, considerando a realidade hospitalar de cada instituição, e para o estabelecimento de parâmetros de qualidade de assistencial hospitalar para o Brasil, além de estimular a cooperação para a implantação de modelos de cuidado baseados em valor, gerando maior poder de negociação remuneratória baseada em desempenho assistencial.  

Tais medidas do programa de avaliação oficial, feito de forma transparente, contribuem para o ganho reputacional e de credibilidade dos hospitais junto aos usuários, operadoras e sociedade em geral. 


Fonte: ANS